O Festival

background_o_festival

O FESTIVAL INTERNACIONAL DE FLAMENCO

é um projeto elaborado e realizado pela ESCOLA E PRODUÇÕES DE DANÇAS ANA GUERRERO & TALITA SANCHEZ, cujo objetivo é divulgar e incentivar a cultura flamenca, de forma não competitiva, difundida por profissionais brasileiros e estrangeiros, nas formas de arte, cultura, música, canto e dança, propiciando intercâmbio entre grupos, bailarinos, músicos e público participante, oferecendo apresentações DE ESPETÁCULOS NACIONAIS E INTERNACIONAIS, MOSTRA DE DANÇA DE GRUPOS AMADORES E PROFISSIONAIS, WORKHOPS NACIONAIS E INTERNACIONAIS DE DANÇA, GUITARRA FLAMENCA E CANTE, SESSÕES DE CINEMA E VÍDEOS,EXPOSIÇÕES FOTOGRÁFICAS, PALESTRAS, DEBATES, MONTAGEM DE ESPETÁCULOS COM ARTISTAS BRASILEIROS E ESPANHOIS, MERCADO FLAMENCO E GASTRONOMIA ESPANHOLA.

O evento, criado e desenvolvido por nossa equipe, vem contribuindo de forma significativa para projeção e desenvolvimento do Flamenco , dos profissionais e todos aqueles que se dedicam ao Flamenco no Brasil.

Temos como objetivo primordial a integração entre artistas brasileiros e espanhois , através da realização desde 2002 de Cursos, Workshops Internacionais trazendo da Espanha artistas flamencos para montagens dos espetáculos denominados AMISTAD, integrando artistas brasileiros e espanhois , sendo os pioneiros nesta forma de trabalho, possibilitando assim maior e melhor conhecimento e desenvolvendo um maior intercãmbio tecnico e cultural, dessa arte que, por sua força, beleza e magia contagiantes, atualmente, seduz pessoas no mundo inteiro.

Workshop Internacional 2018

El Carpeta

O jovem bailor Manoel Fernandez Montoya “el Carpeta” é parte de uma estirpe de bailaores andaluzes, Los Farrucoe Traz a herança de seu avô, o grande Farruco e a cumplicidade de seus irmãos Farruiquito e Farru, El Carpeta é reconhecido internacionalmente como um dos mais jovens bailaores do flamenco atual. Sua trajetória se estabelece com participações em Festivais , os mais importantes da Espanha e em cidades ao redor do mundo como Manhattan, Saõ Francisco, Washington, México entre outras e nos mais importantes eventos como a Bienal de Sevilha e o Festival de Jerez, na Espanha. Em 2016 recebeu o premio Revelação das Escolas Internacionais de Flamenco de Andalucia. Seu trabalho artístico pode ser visto no filme Flamenco , do afamado diretor de cinema Carlos Saura. Colaborou em diversos espetáculos junto a artistas de nível internacional como Miguel Polveda, Alejandro Sanz, Estrella Morente y el maestro Paco de Lucia. Em 2017 participou da noite de Gala do Grammys, em Las Vegas,EUA, em homenagem ao artista Alejandro Sanz Sua carreira se destaca em 2018 com seu novo espetáculo “A BAILAR”, que ele mesmo dirigi e atua ao lado de artistas como Farruquito, Farru e sua mãe la Farruca.

Ezequiel Montoya

Cantaor gitano, nascido en Sevilla en 1997 ,de familia de cantaores e bailaores. Seu nome provém de sua mãe , a cantaora Amparo Jiménez conhecida como “Chana”. Entre seus trabalhos como cantaor, atuou para artistas como Raimundo Amador em seu espetáculo “Noche de Flamenco Jazz”, Manuela Carrasco “En Concierto” .Faz parte de diversos espetáculos da familia de bailaores los Farrucos, esteve em varias giras ao redor do mundo (La Farruca, Farru e Carpeta) .Destaca o maestro Farruquito com quem atuou no espetáculo de novos talentos, através de uma chamada única: “O convidado pode ser você “, dos 150 artistas que mandaram seus videos para formar parte do elenco, foi escolhido como um dos tres cantaores. Seu cante de tono brilhante e claro , cresce quando aparece o baile , canta com espaço, dominio e equilibrio para que o baile mostre todo seu esplendor. Ezequiel Montoya “Chanito” participa como cantaor do “Museo del baile” de Cristina Hoyos e además durante o ano de 2017, viaja pela América atuando no Teatro Mayor de Bogotá ,Colombia com grande exito, junto a la companhia do bailaor Manuel Fernández.